Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Reticências...

à descoberta do nosso mundo

Qui | 02.08.18

MEET THE BLOGGER | Joana Bastardo

Guess what’s back! Tiveram saudades da nossa rúbrica do “Meet the blogger” que não nos visitava desde 2017?

Se és novo por aqui,não te preocupes,pois vou passar a explicar no que é que consiste esta série de posts 😊

O “Meet the blogger” foi uma rúbrica criada o ano passado,que visa dar a conhecer bloggers nacionais e internacionais de diferentes plataformas através de uma entrevista.

That being said,está na hora de conhecerem uma das bloggers mais inspiracionais que já tive a oportunidade de contactar. Say Hi to…

 

JOANA BASTARDO

Blog “Alinhu”

Foto-horizontal.jpg

 

 

Costumo dizer que por trás da imagem e do conteúdo que é transmitido através de um blog está um(a) autor(a) com uma essência própria. Diz-nos: Quem é a Joana?

 

Uma médica / blogger cheia de entusiasmo para a vida!

Tenho 29 anos e sou natural do Porto, onde estudei e conheci a minha cara metade.

Agora vivo com ele e a nossa princesa de 3 anos em Vila Real, enquanto me especializo em Medicina Geral e Familiar.

As minhas paixões incluem cantar, escrever, passear pela natureza, crescer, rir, sonhar e, simplesmente, ser feliz! 

 

 

 Como é que entraste no mundo de blogging e como nasceu o " Alinhu"?

 

 O blog alinhu é o culminar de mais de uma década de aprendizagem e autoconhecimento. 

Quando eu tinha 17 anos li num livro que os nossos pensamentos criam a nossa realidade, e senti que tinha sido atravessada por uma corrente elétrica!

Aquelas palavras ressoaram de tal forma em mim que desde então me dediquei ao estudo da lei da atração, mindfulness, positividade e inúmeros outros temas. 

Ao longo destes anos, aprendi e aperfeiçoei princípios e ferramentas que me ajudaram a ultrapassar condições extremamente negativas e criar uma vida de sonho.

Em Abril lancei o blog alinhu para partilhar esta visão de vida com outros, porque acredito que poderão beneficiar dela - e nada me faria mais feliz! 

 

 

 

O teu blog não é "só" um simples site. É uma autêntica plataforma destinada ao fornecimento de conselhos e bem-estar aos teus leitores. O que é que te inspira e conduz a escrever este tipo de posts?

 

Fico tão contente que aches isso, porque esse é exatamente o meu objetivo!

O meu sonho para o alinhu é que seja uma fonte de bem-estar para os leitores.

Uma vez que eu acredito que no bem-estar está a chave para tudo o que queremos, eu construo o alinhu como uma ferramenta que as pessoas podem usar no dia-a-dia.

Ao mesmo tempo que abordo temas mais complexos, também falo de coisas simples que podemos fazer em qualquer altura, para nos sentirmos melhor.

Quer seja pelas palavras encorajadoras, pelas fotografias coloridas ou as ilustrações engraçadas, o objetivo é que o leitor tenha uma experiência positiva.

E eu não só me divirto imenso a criá-las como também recorro a elas quando preciso de um boost!

 

 

 

Houve uma frase no Alinhu que me chamou particularmente a atenção : " Já chega de sentir que dependes do mundo externo para seres feliz. Tu tens o poder de transformar a tua vida e experienciar a tua felicidade neste preciso momento" . Qual é / foi a origem desse ensinamento que queres transmitir?

 

Eu acredito que uma das nossas maiores limitações é o facto de estarmos à espera de condições positivas para sermos felizes.

Pensamos coisas como "Quando eu - acabar este curso / tiver aquele carro / estiver com aquela pessoa / tiver aquele peso / conseguir aquele dinheiro / viver aquela vida - vou ser feliz".

Nós sacrificamo-nos e prorrogamos o nosso bem-estar até à concretização de metas que estabelecemos, ou que estabeleceram por nós.

E no entretanto a vida está a passar e nós não estamos satisfeitos, nem presentes, a maior parte das vezes.

E porquê? Porquê sacrificar a nossa felicidade se podemos estar bem agora enquanto caminhamos no sentido dos nossos objetivos?

No final de contas, porque é que nós queremos o curso / carro / relacionamento / peso / dinheiro / estilo de vida que queremos? Porque acreditamos que nos vamos sentir melhor quando os conseguirmos.

Então porque não escolher ser feliz agora? Olhar para aquilo que já nos satisfaz e caminhar alegremente na direção do resto?

Eu proponho que a nossa felicidade depende da nossa perspetiva e não daquilo que nos rodeia.

E no momento em que desenvolvemos a capacidade de olhar para aquilo que não nos agrada e manter a nossa paz de espírito, aí somos livres.

Aí somos imbatíveis.

 

 

 Li a tua opinião sobre a Lei Da Atração. Achas mesmo que é um tema que as pessoas deveriam ter mais atenção e aplicar no seu dia-a-dia? ( #positiveforpositive)

 

A lei da atração é uma lei universal, absoluta, e estipula que aquilo em que nós pensamos, desejado ou não, se vai manifestar na nossa realidade. 

Eu acho que as pessoas devem manter em mente que a forma como pensam molda a forma como vivem. 

Que tenham atenção às palavras que usam para se descrever a elas próprias, às suas vidas e àquilo que as rodeiam. Porque essas palavras têm poder.

Se tiverem isso em mente e forem procurando palavras mais positivas, tolerantes e esperançosas, vão sentir a diferença.

 

 

 

Diz-nos 3 metas que tens para o teu blog até ao final deste ano.

 

Até ao final do ano eu gostaria de encontrar uma forma de ter maior feedback por parte dos leitores, traduzir o blog para inglês para alargar o público alvo, e conseguir estabelecer um calendário de publicação consistente.

 

 

 

 

Por último,qual é o maior conselho que darias a quem está a ler este post?

 

Tem atenção à forma como te sentes <3

As tuas emoções são o teu guia, elas mostram-te o caminho até tudo o que queres.

Se sentes emoção positiva, já estás a caminhar no sentido dos teus sonhos!

Tem atenção a como te sentes e faz tudo o que puderes para te sentir melhor a cada momento.

Não te acomodes, tu mereces e tens o poder de ser feliz, agora!

 

______

 

Obrigada por participares nesta rúbrica,Joana! :D

 

Segue a Joana nas redes sociais!

instagram | facebookyoutube