Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Reticências...

Reticências...

Dom | 18.12.16

Blogmas #17 - O Natal da Jasmine

Ontem,ao tirar a foto seguinte ao Max,lembrei-me de uma história que ocorreu no Natal de 2014 com a Jasmine :) 

IMG_20161217_161309.jpg

 Tínhamos nós a Jasmine há meio ano,e este seria o seu primeiro natal. No dia anterior,tinha ido com a minha mãe a loja de animais cá da zona,onde reparei em alguns biscoitos e uns novos ossos prensados. Olhando um pouco mais para o lado,vi um pacote novo de ossos com presunto,verdadeiro. Tinha descoberto recentemente que os ossos prensados,aqueles amarelos,faziam mal aos animais,e estes novos,verdadeiros,eram inofensivos. 

Fiz sinal à minha mãe,comprámos o pacote (que traz um osso dos grandes,dividido em dois) e embrulhámo-lo assim que chegámos a casa.

A Jasmine,esperta como é,notou um cheiro diferente no saco das compras,ficando a abanar a cauda. 

- Jazz,não temos aqui nada para ti. 

A Jazz parou de abanar a cauda,deitou-se e pousou o focinho no chão,adormecendo.

Os dias passaram e o Natal chegou. 

Era dia 25,manhã natalícia,e estávamos todos a abrir as respetivas prendas. A Jasmine olhava para nós com aqueles olhos de gato das botas.  Eu olho para a minha mãe,ela para mim,e fazemos sinal uma à outra. Retiramos então um embrulho que estava escondido na parte de trás da árvore. 

Só queria que tivessem visto a felicidade da Jasmine. Mal viu que a prenda era para ela,começou a cheirá-la,corria,pulava,dava à cauda,até se sentar com a língua de fora a olhar para nós,parecendo que estava a sorrir.

Abrimos a prenda,e a Jazz viu o osso com presunto. Loucura total.

Depois disto,sei que os dois ossos com presunto só duraram dois dias e ela ficou com um hálito de bacon. 

 

____

 

instagram: whiskers_and_tails_

 

2 comentários

Comentar post